Untitled Document
Adicionar aos favoritos Links Úteis ! Bíblia Online Catecismo Online  

Missão Fidelidade Vida

LOJA VIRTUAL

 

QUALIDADES QUE DEVE TER UM MÚSICO DO M.M.A. DA R.C.C.

 

 1 Samuel 16.18
 O rei Saul sofria. Então um oficial sugeriu que trouxessem um músico para tocar para o rei. Possivelmente esse criado tinha alguma experiência para tal sugestão.
 No v. 17 o rei manda chamar um músico “encontrem alguém que toque BEM e tragam-no aqui”. Sem especificar o caráter, espiritualidade, trajetória no ministério, quem foram seus pastores, nem qualquer outra informação, contanto que “toque bem”. O que Saul nunca poderia imaginar era se deparar com uma pessoa como Davi – um verdadeiro homem de Deus. Alguém de quem as pessoas diziam: “… sabe tocar harpa. É um guerreiro valente, sabe falar bem, tem boa aparência e o Senhor está com ele”.  QUE TESTEMUNHO! Será que as pessoas têm falado de você ou de mim desta maneira?

 

1º.  SABE TOCAR
 “Nós não preparamos tão bem como gostaríamos, mas o Senhor recebe nossa adoração. Os irmãos fiquem em atitude de oração” – algum dia já ouvimos isto. O que interessa a Deus é o coração, mas isso não diminui a importância daquilo que trazemos ao Senhor. A oferta deve ser excelente. No Salmo 32.3 está escrito: “faça-o bem” – faça bonito! Somos, muitas vezes, desleixados com ensaios, preparação e organização da música. Vivemos de improviso e desordem.


 Muitas vezes prejudicamos a ação do Espírito Santo na vida das pessoas por estarmos despreparados (1Tessalonicenses 5.19). Tocamos e cantamos mal, não investimos tempo necessário no preparo. O mundo precisa olhar para nós, músicos de Deus e darem esse testemunho: “Como tocam bem esses músicos”!

 

2º.  É VALENTE
 Corajoso é diferente de “Valentão”. Corajoso é esforçado, que tem valor. Davi não era um caçador de ursos ou de leões, nem um caçador de problemas, mas tinha intimidade com Deus e sabia que qualquer perigo poderia se enfrentado. Ele não temia nem tremia. A única maneira de Davi alcançar essa coragem era gastando tempo com o Senhor, buscando conhecer seus caminhos (Sal. 25.4-5). A verdadeira valentia é depender de Deus. Outro valente foi Josué (Josué 1.7-9).


 Muitos músicos não são reconhecidos como valentes. Diante de problemas nota-se a omissão dos músicos para ajudar a resolver. Vamos mudar isso! Deus levanta pessoas corajosas hoje, dispostas a enfrentar o que surgir e assim ser bênção na vida de outras pessoas.

 

3º.  É FORTE
 É vigoroso, tem vitalidade, tem energia, disposição. Em certos aspectos é como o corajoso. Infelizmente alguns dos músicos não têm força suficiente nem para levantar da cama pela manhã.
 Eficiência é um significado importante para nós. A melhor maneira de começarmos é colocar nossas vidas em ordem sendo disciplinados em nossas atividades e habilidades. Isso começa dentro de nossa casa, mais precisamente no nosso quarto.
 Vamos pedir ao Senhor que nos faça pessoas vigorosas, esforçadas, fortes, eficientes, ricas espiritualmente e cheias de energia, como a de um exército. Deus está levantando pessoas assim. Ler Provérbios 24.33-34; Romanos 12.11; Hebreus 6.11-12.

 

4º.  HOMEM DE GUERRA
 A música é uma arma poderosa na guerra espiritual. Por meio da música Deus pode curar, libertar e restaurar muitas vidas. Veja o exemplo de Saul. Muitos músicos têm a idéia de que só cantam, só tocam, mas já é hora de reconhecermos que quando tocamos ou cantamos estamos entrando diretamente em guerra espiritual. Ler Isaías 30.32 e ver contexto.


 Cada vez que tomamos em nossas mãos ou abrimos nossa boca na presença do Senhor, algo poderoso acontece no reino espiritual. Cada vez que declaramos a grandeza de Deus inicia-se uma guerra (Sal. 67.1). Elevar a Deus é afugentar os inimigos. Eles não agüentam estar onde o Senhor é exaltado, glorificado, adorado – fogem. Cada nota que produzimos e uma pancada no inimigo (Isaías) com a vara da justiça.


 No ministério de música Deus precisa de pessoas das quais se possam dizer: “homem de guerra”, “mulher de guerra”, como a Davi.


 Música e guerra espiritual estão diretamente relacionadas, e é impossível agora separá-las. Como músicos somos guerreiros, aceitemos este fato e comecemos a viver como “HOMENS E MULHERES DE GUERRA”.


 5º.  SÁBIO EM PALAVRAS
 Prudente em palavras e sabe falar bem. Em Provérbios está escrito: “a morte e a vida estão em poder da língua…” (18.21). Tiago também nos orienta quanto ao uso da língua no cap. 3.2-10.


 Davi não falava demais, pensava antes de falar. Quem nunca foi vítima de uma pessoa que não é prudente nas palavras? Queremos ser perfeitos? Vamos refrear nossa língua. Não somos perfeitos, mas devemos buscar o caminho da perfeição. Somos muito observados por nossa maneira de falar. Que tipo de pessoa dizem de nós? Que qualidades observam em nós? Pessimistas? Depressivos? Críticos? Ímpios? Ler Efésios 4.29 a 5.7.


Está na hora de nos examinarmos e decidirmos por uma mudança. É gostoso chegar em um lugar onde você sabe que tem pessoas que trarão palavra de ânimo, de bênção e encorajamento. Queremos ficar mais tempo. O contrário também existe. Pessoas que chegam e o que fazemos imediatamente? Dar um jeitinho de sair, pois dali só sai negativismo, reclamações, lamentos, críticas para destruir e fofocas. Os padres e líderes compõem prato principal do cardápio da conversa dessas pessoas.


Eu acredito que você, assim como eu, deseja ser conhecido como pessoas que falam bem dos irmãos, que sempre temos algo positivo para acrescentar, somos bem recebidos em qualquer lugar, porque temos sido prudentes em nossas palavras.


Usando palavras de Paulo: “não julgo havê-lo alcançado, mas prossigo para o alvo” – Filipenses 3.12-14.


 6º.  BOA APARÊNCIA
 Há músicos que gostam de se mostrar excêntrico, andando todo esquisito, desarrumado, desgrenhado, roupa rasgada. Cada pessoa que Deus criou é bonita, sem exceções. Davi era bonitão. Bem apresentável. A palavra hebraica usada para distinguir Davi assim não tem uma aplicação espiritual ou figurada. Mas nas Escrituras está que “um coração alegre aformoseia o rosto” (Provérbios 15.13). A beleza de uma pessoa vai além da aparência física, aí está a beleza interior. Quem tem a paz, o amor, paciência e todos os frutos do Espírito. É esse tipo de pessoa que devemos aspirar ser. Se você se comporta mal, por mais bonito que seja não terá um bom aspecto exterior.


 Que cada um de nós sejamos bonitos em espírito, cheio da luz do Senhor. “Seja a luz (formosura e favor) de Javé nosso Deus sobre nós” (Sal. 89.17).


 7º.  DEUS ESTÁ COM ELE
Aí está o motivo pelo qual Davi tinha os atributos anteriores: Deus estava com ele. Davi era apaixonado pelo Senhor. Quando lemos os escritos de Davi podemos perceber o relacionamento que ele tinha com o Senhor. A convicção com que falava as coisas que estavam no seu coração era impressionante. Davi desafia a cada um de nós a buscarmos esse grau de relacionamento com Deus. Jesus disse: “se vocês permanecerem em mim, e as minhas palavras permanecerem em vocês, pedirão o que quiserem e lhes será concedido” (João 15.7). Davi confiava no Senhor e sabia que Ele iria apoiá-lo nas coisas que fazia. Com certeza poderemos desfrutar de bênção que o Senhor tem se depositarmos toda nossa confiança no Senhor como fez Davi: “O que habita no esconderijo do Altíssimo, viverá à sombra do Onipotente” (Salmo 90.1).


Busquemos diariamente a presença do Senhor em nossas vidas, como disse Moisés: “Se a tua presença não for comigo, não nos tire daqui” (Êxodo 33.15).


Deus quer nos usar. Você se sente capaz para ser usado pelo Senhor? Saiba que é Deus quem opera o querer e o efetuar, “para que ninguém se glorie, porque somos criação (poeira) de Deus para fazermos as boas obras” (Efésios 2.9-10). Permita que o Espírito Santo derrame em sua vida a graça para ter todas essas características que necessitamos ter, nós os músicos, os salmistas do nosso tempo, para nossa geração.


Fechemos nossos olhos e vamos orar, reconhecendo a soberania de Deus sobre nós e nos entregando totalmente a Ele. Sem a graça do Senhor nada podemos fazer. Se pedirmos Ele nos concede em abundância sua graça e sabedoria. Entreguemos todas as áreas de nossa vida que precisa ser transformada, e pedir força e integridade para colocar em prática em nosso viver.

 

 

 
Missão Fidelidade e Vida

Includi - Sistema de Gestão Empresarial Online - ERP Online

"A Cruz sagrada seja minha Luz, Não seja o Dragão meu guia, Retira-te Satanás, Nunca me aconselhes coisas vãs, É mal o que tu me ofereces, Bebe tu mesmo do teu veneno. São Bento Rogai por nós. "

Missão Fidelidade e Vida - Mococa - São Paulo